Fine art: uma ótima opção de produto na fotografia

Fine Art
Fonte: Site Hahnemühle

Este artigo tem como objetivo apresentar a fine art como um produto que pode e deve ser explorado por fotógrafas/os, principalmente dentro deste contexto tão desafiador em que nos encontramos. Faremos uma rápida recapitulação sobre o que é fotografia autoral, sobre fine art e ao final apresentaremos algumas alternativas de negócios e plataformas para facilitar os trabalhos.

Sabemos que dentro da fotografia existe uma divisão entre trabalhos comerciais e autorais. De maneira bem resumida o primeiro caso se refere, por exemplo, à fotografia social (casamentos, família, etc.), gastronomia, arquitetura e corporativa; são serviços comissionados e executados de acordo com o que é solicitado pelos clientes, ou o famoso briefing. O segundo caso se refere às imagens mais subjetivas e muitas vezes conceituais, diz respeito à maneira particular de enxergar o mundo e representá-lo por meio da foto, são também chamadas de fotografias artísticas.

Essa divisão não precisa ser muito bem delimitada, em trabalhos comissionados podemos utilizar (em maior ou menor quantidade) nossa maneira peculiar de ver e representar o mundo e produzir resultados eficientes, porém diferenciados, nossa assinatura fica registrada na imagem e cada foto ganha ainda mais valor por conseguir conciliar os dois lados. A fotografia autoral tem essa capacidade de nos mostrar novas possibilidades que podem muito bem ser aplicadas nos trabalhos comerciais.

Para algumas reflexões sobre o assunto acesse: http://finephoto.com.br/fotografia-autoral/

A fotografia desde sua invenção passou por grandes inovações tecnológicas, do analógico ao digital, e a forma de materializá-las também. Com o desenvolvimento da impressão fine art foi possível produzir impressões com qualidade e garantia de longevidade. Mas atenção: a impressão para ser considerada fine art precisa atender a uma série de requisitos. Utilização de impressoras especiais com pigmentos minerais, como a HP DesignJet Z9⁺, e papéis e canvas fine art, por exemplo, os papéis da Hahnemühle. Não podemos nos esquecer dos cuidados com exposição, manuseio e armazenamento, todos esses itens precisam ser observados.

Para mais informações sobre impressão fine art acesse: http://finephoto.com.br/fine-art-e-seu-universo/

Mas a fotografia autoral não precisa ficar em segundo plano ou ser apenas uma inspiração para seus trabalhos, ela também pode ser ela mesma seu produto final. As possibilidades trazidas pela tecnologia além de facilitarem a parte mais burocrática do trabalho também conferem mais independência para fotógrafas/os venderem seus prints e demais produtos online. De acordo com uma reportagem do Olhar Digital, as vendas online aumentaram e o Whatsapp está na liderança desses números.

Você não precisa investir na montagem de um estúdio de impressão. Faça parceria com um impressor que pode ficar encarregado de imprimir e enviar diretamente o print para seu cliente. Lembre-se: os prints fine art também podem ser oferecidos para casamentos e ensaios pessoais, por exemplo. Existem opções de álbuns que garantirão que essas lembranças atravessem gerações. Pesquise lugares que façam molduras apropriadas para fine art para indicar para seus clientes, é sempre bom prever essa opção e ter um lugar de confiança para onde direcioná-los.

Ter um site/portfólio online, além de possibilitar que as pessoas encontrem e vejam seus trabalhos, mostrará profissionalismo. Aderir a uma plataforma que alie portfólio e vendas então poderá ser de grande ajuda. Se você já possui essa estrutura é mais fácil acrescentar novas opções de produtos, mas se você ainda não tem um site de vendas está na hora de considerar abrir sua própria galeria online. Abaixo listamos algumas plataformas para te ajudar.

A Epics oferece diversas soluções para fotógrafos e videomakers, inclusive aprovação de fotos e vídeos. Os planos variam de R$ 49,00 a R$ 79,00 por mês, porém eles podem oferecer mais serviços de acordo com a demanda. Eles possuem uma taxa de adesão de R$ 699,00, o que já funciona como uma espécie de filtro e não possuem versão gratuita para teste.

Fine art

A Alboom também apresenta diversas ferramentas importantes, com destaque para diagramação de álbuns e realidade aumentada. Possuem uma versão gratuita com itens básicos e os planos de R$ 29,00 ou R$ 59,00 e não tem taxa de adesão.

Fine art

A Picsize é outra plataforma dedicada à fotografia que conta com mais de 30 mil profissionais cadastrados (informação do site). Destaque para a otimização do site para o Google e segurança contra a cópia de fotos. Você pode fazer o teste grátis durante 14 dias e optar por planos a partir de R$ 29,00.

Fine art

A Selpics conta com 80 mil fotógrafas/os em seu cadastro (informação do site) e também oferece seleção/aprovação de fotos e álbuns folheáveis online. Seus planos são um pouco diferentes, você adquire créditos, não há cobrança mensal. Os pacotes de créditos variam de R$ 17,90 até R$ 90,90 (parcela única) e você pode cadastrar o seu e-mail para receber 200 créditos para testar.

Fine art

A 46° conta com mais de 100.000 fotógrafas/os (informação do site) e oferece muitas ferramentas importantes para seu negócio online. Destaque para a loja com várias opções de pagamentos e ambiente seguro. Não tem taxa de adesão e você pode começar com a versão gratuita. Os planos variam de R$ 8,00 a R$ 55,00 por mês.

Fine art

Com a ajuda dessas ferramentas ter a sua própria galeria online tornou-se mais fácil e seguro. Visite as opções de plataformas e escolha aquela que for mais adequada para você. No momento de fechar uma parceria com um estúdio de impressão fine art verifique se ele cumpre todos os requisitos necessários. Invista na sua presença nas redes sociais compartilhando suas fotos, mas também conteúdos relevantes e que causam boas impressões em potenciais compradores. Esperamos que essas dicas possam trazer grandes ideias e ótimos negócios.

Escrito por

Tem se dedicado aos estudos de fotografia e imagem desde 2005. Está sempre com os olhos abertos, ouvidos atentos, imaginação fértil e a língua afiada.